Este site utiliza cookies para lhe garantir uma melhor experiência. Você pode revisar as configurações de cookie do seu navegador.
compre com pontos
Como juntar mais pontos?

Venda de pontos é permitida? Vale a pena? Descubra!

Acabou de se lembrar dos pontos acumulados no cartão e está pensando em trocar os pontos por dinheiro? Antes de mais nada, é importante analisar se a venda de pontos realmente compensa.

Com o crescimento do mercado de fidelidade, as possibilidades oferecidas são infinitas. Além de resgatar passagens aéreas, é possível vender pontos ou trocá-los por produtos, serviços e diversas experiências.

Principalmente em épocas de orçamento apertado, a venda de pontos pode soar como uma boa ideia. Mas, será mesmo?

Descubra abaixo como funciona e se a venda de pontos é mesmo o ideal para você! 

Entendendo o mercado de fidelidade

No mercado de fidelidade, os pontos ou milhas aéreas funcionam como moedas de troca. Ou seja, é como se valessem dinheiro mesmo. E os programas de fidelidade oferecem diferentes maneiras de usá-los.

Até certo tempo atrás, o uso mais comum dos pontos era em resgate de passagens aéreas. Porém, nem todo mundo tem planos de viajar ou acumular pontos suficientes para isso. Sem contar que os pontos expiram e precisam ser utilizados a tempo.

Pensando em atender esse público, surgiram empresas focadas na compra e venda de pontos e na troca de pontos por produtos e serviços.

Ótima ideia, não é mesmo?

Num primeiro momento, todas elas parecem interessantes. Mas você precisa analisar com cuidado para ter certeza de qual é a mais vantajosa.

É possível vender meus pontos?

Se você fizer uma busca na internet, vai encontrar empresas especializadas na compra e venda de pontos. Portanto, é possível vender os seus se você quiser.

Quem não tem a intenção de utilizar os pontos acumulados no cartão de crédito pode vendê-los e receber o valor em dinheiro. Essas empresas costumam fazer o pagamento por depósito em conta.

É importante dizer que os programas de fidelidade proíbem a venda de pontos, colocando uma cláusula no contrato de adesão que proíbe esse tipo de comércio. 

No entanto, segundo o PROCON, por não ter uma validade perante à justiça, as pessoas podem fazer o que quiserem com os próprios pontos. Ou seja, a venda de pontos não é ilegal.

Porém, você deve conferir com cuidado se o valor pago em dinheiro realmente compensa. Dependendo do caso, pode ser uma ideia ruim.

Qual o valor dos meus pontos em dinheiro?

O valor pago pelos pontos costuma ser definido pela empresa que pretende comprá-los! Por isso, faça a consulta e coloque tudo na ponta do lápis antes de tomar uma decisão.

Leve em conta a relação de troca de um produto, o valor dele e quantidade de pontos necessários para resgatá-lo no seu programa de fidelidade.

Vamos supor que você faça parte do programa de uma companhia aérea que vende uma passagem de avião por R$ 1 mil. Se para resgatá-la são necessários 20 mil pontos, quer dizer que o valor de cada ponto é R$ 0,05.

Porém, esse valor varia bastante, viu?

A relação pode ser tanto mais vantajosa quanto pior para quem vende. Isso significa que sempre existe um risco de você sair no prejuízo!

Venda de pontos: vale a pena?

Em um mercado com tantas opções, talvez a venda de pontos não seja a melhor escolha!

Chegou a hora da verdade! Se você comparar a troca de pontos com a venda de pontos, vai se dar conta de que a primeira é muito mais vantajosa! Por conta do valor baixo que as empresas pagam pela compra dos pontos, esse processo não compensa.

Mas lembre-se de que isso não é motivo para deixar os seus pontos parados ou vencerem, afinal, empresas como a Easy Live oferecem uma variedade enorme de produtos para você resgatar usando a sua pontuação.

Com o Natal se aproximando, você já deve estar pensando no que vai comprar de presente para as pessoas mais queridas. E aqui vai uma notícia boa: é possível aproveitar descontos especiais!

Roupas, sapatos e acessórios

Entre as possibilidades está a troca de pontos por cartão presente para gastar em várias lojas online, como:

Portanto, não vão faltar opções para pessoas de todos os estilos.

Moda esportiva

Você também pode usar os pontos para adquirir produtos em lojas esportivas. Dá uma olhada nas lojas que fazem parte do catálogo da Easy Live:

Beleza e bem-estar

Seja para outra pessoa ou para você mesmo, resgatar serviços de beleza e bem-estar é um baita presente, não acha? Entre as possibilidades estão:

Serviços digitais

Ao invés da venda de pontos, por que não trocar os pontos por serviços úteis para o seu dia a dia? Não deixa de ser um presente também! Seus pontos podem se transformar em:

Diante tantas opções do que fazer com os seus pontos, vendê-los não parece ser a melhor ideia, concorda? Isso sem falar na probabilidade de sair no prejuízo.

Fique sabendo que essas não são as únicas opções de resgate, viu? Acesse o nosso catálogo completo para conferir todas elas!

E, então? O conteúdo sobre venda de pontos foi útil? Esperamos que sim! Se deseja saber como a troca de pontos pode te ajudar a não sair do orçamento, é só conferir aqui!

Publicado por Eduardo Mariz

Gerente de Estratégia Digital da Easy Live. Administrador com mais de 10 anos de experiência em empresas de tecnologia nos mercados B2B e B2C. Graduado em Administração pela UFRJ, pós-graduado em Marketing na IBMEC, atuou em diferentes áreas, como comercial e marketing digital, data analytics e user experience.

Gostou?

Compartilhe

Deixe seu comentário